Curta Santos chega a 11ª edição

O Pequeno Monstro, de Nildo Ferreira e Kauê Nunes

kulhydrater i mad tabel go O Pequeno Monstro, de Nildo Ferreira e Kauê Nunes

van de heuvel tuindecoratie link A partir de amanhã, até sábado (19), acontece a 11ª edição do Curta Santos – Festival de Cinema de Santos. Mais de 50 filmes, longas e curtas, serão exibidos em diversos pontos. Oficinas, workshops e um debate com o poder público da Região Metropolitana da Baixada Santista completam a programação, que permanece inteiramente gratuita.

hele vejen nik og jay Segundo os organizadores, esta edição tem o objetivo de tentar identificar o “fazer cinematográfico” caiçara.

boka havets katedral view A Gala de Abertura ocorre nesta terça-feira (15), a partir das 20h30, no Teatro do Sesc Santos. O ator Caio Blat, que já participou de mais de 20 filmes, receberá o Troféu Claudio Mamberti, somando-se à lista de homenageados que inclui José Wilker, Matheus Nachtergaele e Paulo Cesar Pereio.

http://leftprevent.life ems training amsterdam http://ironneedle.live/2018/08 waarom glasvezel ipv kabel Competição de curtas e mostra de longas

la la land die watch Os Estados de Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Espírito Santo, além de São Paulo, estão representados na mostra competitiva nacional de curtas, a parents élancez vous caf Olhar Brasilis. Foram selecionados 10 produções, entre documentários, animações e ficções.

la rondavelle tamarin mauritius No couch hohe sitzhöhe Olhar Caiçara (regional), estão 213, de Fabrício Lima; Super, de Ricardo Bueno; Quimera, de Anita Barbosa; Angéllica, de Pedro José Canoilas; Amor Por Uma Noite, Bruno Arrivabene; Carregadores do Monte, de Cássio Santos e Júlio Lucena; O Pequeno Monstro, de Kauê Nunes Melo e Nildo Ferreira; As Águas do Mar, de Jéssica Busato, Rebecca Alba e Thaianne Spinassi; Odem Lanoicarri, de Caroline Fernandes e Roberta Lapetina; Por Trás Dos Seus Cabelos: Ouvintes, de Claudia Gomes.

O blog não viu todos ainda. Apenas O Pequeno Monstro, e gostou. Mais um acerto da dupla formada por Nildo Ferreira e Kauê Nunes, a mesma responsável pelo ótimo curta sobre a roda de samba do Ouro Verde.

Na mostra de longas, serão exibidos, no Roxy, três inéditos em Santos. Cores (16 anos), do premiado diretor Francisco Garcia, retrata uma história de amizade e desilusão entre três jovens e amigos em uma grande metrópole. Lúcia Murat apresenta A Memória Que Me Contam (14 anos), sobre uma ex-guerrilheira brasileira diante da repressão da ditadura militar. O documentário Dia Que Durou 21 Anos (12 anos), de Camilo Tavares, mostra a influência do governo dos Estados Unidos no Golpe de Estado no Brasil, em 1964.

A programação completa, disponível no site www.curtasantos.com.br, ainda terá sessões para crianças, debates, entre outras atrações.